01 novembro 2017

A casinha: Uma construção a partir das sugestões da turma

A sala multiuso (laboratório de informática + brinquedoteca + sala de leitura) da nossa escola recebeu neste semestre um ar condicionado. Ele veio em uma caixona de papelão que professora Daniela, minha companheira, disponibilizou para as crianças brincarem. Observando uma delas entrando e explorando como se fosse um "forte", sugeri:

Nossa casinha prontinha e as crianças explorando
Que tal se a gente cortasse uma portinha e uma janelinha, para virar uma casinha?
Enquanto alguns observavam com curiosidade, cortei um quadrado e um retângulo com estilete que, respectivamente, viraram a janela e a porta. Não satisfeito ainda com o resultado, o mesmo aluno que explorava a caixa teve a ideia de pintarmos para que a nossa improvisação ficasse mais apresentável: e lá fomos nós buscar tinta acrílica para colorir as "paredes".

Pintura coletiva com tinta acrílica na caixa de papelão
Como era nosso momento de brincadeira livre no parque, convidei apenas aqueles que tivessem vontade de participar de nosso novo projeto: para a minha surpresa, a maioria das crianças sentou em volta da caixa desmontada, pegou um pincel e colocou as mãos à obra! Estavam a nossa disposição apenas as cores primárias, mas logo os pequenos se surpreenderam misturando e formando novas cores.

imagem-logo